O porto seguro do poker

Sabe aquele período em que o jogador não consegue conquistar resultados, o gráfico não melhora e, apesar do esforço, a coisa não anda?   Nesse período, é importante o jogador saber fazer uma boa autoavaliação para voltar ao “porto seguro”. Eu defino porto seguro como aquela faixa de buy-in na qual o jogador comprovadamente é…

Continue reading →

Poker – hobby e profissão

O poker é o hobby de muitas pessoas, assim como futebol, vôlei ou tênis. Uma diferença importante, porém, é que você pode jogar um Sunday Million enfrentando profissionais, mas é impossível jogar uma partida de Champions League contra o Neymar, ou um Grand Slam contra o Federer. Essa peculiaridade do poker faz com que muitas…

Continue reading →

A derrota no poker

Entender a derrota é parte fundamental para quem busca evoluir no poker, seja como profissão ou como um hobby lucrativo. As perdas fazem parte do jogo e é necessário encará-las de frente e procurar compreendê-las para seguir no grind. Por trás daquele Ás no river que lhe tirou do torneio, houve uma série de decisões…

Continue reading →

Preparação para o grind

Com a crescente evolução técnica no poker, vários aspectos até então considerados secundários passam a fazer toda a diferença nos resultados, entre eles a preparação antes e depois da sessão. A maioria dos jogadores sabe a importância do estudo e análise técnica, mas a preparação para executar bem o que foi aprendido e manter a…

Continue reading →

Pensar na variância é fundamental

Quando falamos em jogador profissional de poker, geralmente pensamos em solidez de resultados. Jogar torneios é um desafio em si, e o controle sobre a variância é imprescindível para determinar o sucesso em prazos mais curtos e a segurança na carreira. Idealmente, sempre falamos em pensar no longo prazo, construir a carreira aos poucos, sermos…

Continue reading →