Poker profissional: como montar seu setup?

Os jogadores de poker profissional passam um bom tempo sentados em frente ao computador todos os dias. Por isso, é essencial investir em um ambiente que seja adequado para o grind, confortável e que ajude o jogador a ser produtivo.

Nesse post, vou dar algumas dicas para montar um setup de poker profissional e mostrar algumas opções in-game para tornar o grind mais produtivo. Vem ver!

Poker profissional: 6 dicas para montar um setup like a PRO

1. Mouse e teclado

O teclado não tem muita influência para o desempenho no poker. Mas, se você quiser dar uma acelerada no jogo, pode comprar um teclado numérico para ajudar a digitar os números mais rapidamente.

o mouse é um dos itens mais importantes. O ideal mesmo são os mouses ergonômicos para evitar problemas de saúde e dores no pulso.

Opte por um mouse confortável e que tenha botões extras. Esses botões vão lhe ajudar na hora de criar uma hotkey para all-in direto, fold e outras funções. Assim, você não precisa guiar o mouse a cada ação.

Procure também ter um mouse reserva. Pode ser o mais barato do mundo, mas tenha. Quem já passou por problemas no grind por causa de mouse sabe do que eu estou falando. Qualquer mouse, por mais barato que seja, vai salvar o dia caso o seu mouse principal pare de funcionar.

2. Monitor

Se as suas telas ficam se sobrepondo a ponto de atrapalhar o jogo, talvez seja a hora de investir em um monitor melhor.

De modo geral, os jogadores de poker profissional utilizam dois monitoresParticularmente, eu gosto de colocar o lobby das plataformas em um monitor e, no outro, deixar só as telas para ficar mais organizado.

Na hora de escolher o monitor, não esqueça de ver a resolução. É ela quem define quantas mesas vão caber na tela, muito mais do que o tamanho do monitor em si.

Quanto maior a resolução do monitor, mais mesas cabem na tela. Por isso, os monitores ideais são aqueles que têm uma ótima resolução e bom tamanho.

Eu indico o monitor da LG LED 25′ Ultrawide 25UM58-P.  Mas tudo vai do quanto cabe no seu bolso e do quanto você sente que precisa de uma área maior para a quantidade de mesas que joga.

3. Cadeira

Uma boa cadeira é essencial, é nela que você vai passar boa parte do seu dia. Ela vai impactar diretamente no seu desempenho e na sua saúdeTer uma boa postura e jogar confortavelmente é crucial para a qualidade do grind e de vida.

Encontre uma cadeira confortável, boa para o seu tamanhoergonômica. Aqui, indico algumas marcas também: Husky, DXRacer, Alpha Gamer e DT3.

Se você quer uma cadeira bem equipada, que recline 180º, com almofada para o pescoço e para a lombar, terá que investir por volta de 800 a 1.000 reais em uma Husky, DXRacer ou Alpha Gamer. Se quiser uma opção um pouco mais barata e com menos ajustes, mas também muito boa, a DT3 é uma ótima pedida.

Curiosidade: tomei vergonha na cara depois de muito tempo e comprei essa cadeira da imagem poucas horas antes de escrever esse artigo. É um investimento caro, mas para quem jogava numa cadeira da Skol e, depois, nessas pretas comuns que estragam fácil, vale a pena. Essa cadeira tem um ótimo feedback. Agora não haverá mais spewzada por desconforto.

4. Internet extra

Essa é importantíssima. Ninguém merece investir vários dólares numa sessão e se prejudicar porque a internet caiu.

Tenha sempre uma internet extra no celular que você consiga rotear para o computador caso fique sem a internet principal. É barato, simples de fazer e vale muito a pena, com certeza evitará muito estresse.

5. Nobreak

Nada mais frustrante do que estar a toda no grind e, de repente, perder tudo porque ficou sem eletricidade. E o pior, nem saber como, e se, ela vai voltar a tempo.

O Nobreak é uma fonte de energia ininterrupta. Quando você ficar sem energia elétrica, ele vai segurar as pontas por um tempo que pode ser suficiente até que a luz volte.

6. SSD

Sabe o HD que você tem no computador? O SSD é como se fosse uma evolução desse HD. A memória dele é flash, o que faz com que o computador ligue, execute funções e leia arquivos muito mais rápido.

Se você não usa um software como Hold’em Manager ou PokerTracker, não acho um SSD tão necessário. Mas, no poker profissional, a maioria dos players usa algum tracker,  o que pode travar as mesas ou tornar o jogo lento.

Mesmo sem usar os trackers, se você percebe que seu PC fica travando durante o jogo, é bastante recomendável ter um SSD, a melhora é simplesmente sensacional.

Aqui, eu indico duas marcas, Sandisk e Kingston, ambas são referências.

Duas dicas para acelerar o game

1. Hotkeys

As hotkeys são teclas que você configura como atalhos de funções. Isso vai deixar suas ações muito mais rápidas.

Por exemplo, você pode selecionar o scroll lock do mouse (a bolinha) para ser o all-in direto quando você apertá-lo, o botão direito para ser o fold, entre outras configurações. 

Vai do seu gosto, mas com certeza vai te poupar bastante tempo, principalmente quando estiver jogando muitas telas.

2. Bet slider

Imagine só:  você está jogando 10 telas e estão acontecendo 3 grandes ações ao mesmo tempo. Aí, você precisa aplicar uma cbet de 33% no flop.

Tudo fica mais fácil se você tem um bet slider com a opção de 33% para não precisar calcular de cabeça quanto é 33% de cada pot o tempo inteiro, para cada ação. Vale a pena e evita erros bobos que podem prejudicar muito os resultados nas mesas.

Gostou do artigo? Acha que faltou algo importante? Tem alguma dica? Compartilha nos comentários com a gente!

Por Kian “Kianbrazil” da Costa, player do FLOW PRO TEAM

Quer mais dicas sobre setup? Veja aqui nosso infográfico sobre a postura no grind!

Quer jogar poker profissional? A gente dá as ferramentas. Você joga. Todo mundo ganha. Vem entrar no FLOW!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *